De mãe e louco todas temos um pouco

Sejam bem vindos ao cantinho aconchegante que reservei para essa conversa. Espero que esses relatos possam de alguma forma ajudar aqueles que tem duvidas, receios, e as vezes até mesmo culpa por não serem perfeitos como gostariamos de ser para nossos filhos, que ja estão aqui, ou estão por vir.
Essa é minha forma de compartilhar essa experiencia fantastica que tem sido me tornar mãe, inclusive pelas dificuldades que passei, passo e com certeza irei continuar passando por ser Bipolar. E o quanto nos tornamos mais fortes a cada dia, a cada queda, como essa pessoinha que chegou me mostra a cada dia que passa.
A todos uma boa sorte, uma boa leitura, e uma vida fantastica como tem sido a minha, desde o começo e cada vez mais agora!

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Sentidos

Eram 0h20 minutos, Rebeca começou a resmungar muito no berço. Tivemos um dia agitado, fomos ao cinematerna, foi otimo, mas cansativo, e ela comeu pouco. Decidi adiantar a mamadeira da madrugada.

Fiz o leite, peguei ela no berço, sentei no sofa da sala, ao lado do computador como sempre faço, muito mais pela luz do que outra coisa enquanto ela mama. Leio os blogs, tento fazer alguns comentarios, enfim.

Hoje, foi diferente.

Me ajeitei de um jeitinho tão gostoso, e ela, tão gostosa, se ajeitando em mim. Coloca a mamadeira na boca, ela meio deitada mesmo, dormindo, um sono contirbado, mas bem pesado. Começa a sugar, e sua mão faz aquela posição, aberta, de queme sa empurrando um peito. Mas é so o ar que ela afofa...

Fiquei olhando aquela coisinha linda, maravilhosa, dormindo nos meus braços. Esqueci o mundo um pouco, esqueci tudo, e fiquei ali, com ela.

Peguei sua mão, deixei-a segurar meu dedão, e fiquei fazendo carinho levemente na sua mãozinha.

Fui chegando com o rosto cada vez mais perto, cada vez mais perto, ate sentir a respiração dela saindo junto com a minha. Mesma veloxidade, mesmo ar.

O mesmo sangue que o meu, ali, dormindo no meu colo, feliz, por ter conseguido tudo o que queria...

Senti seu cheirinho, shampoo com cheirinho de morango da Jonhson para cabelos cacheados, gosotoso.

Penso em tirar a mão de onde esta, me acomodar melhor. Mas ela segura com força, como quem esta com medo. Medo que nos, pessoas, que ela conhece, não estejam mais ali quando ela dorme.

Então, eu deixo, fico ali, segurando a mão dela, esperando ate ela se senti confiante e soltar por inciativa propria.

Faço carinho na palma da sua mão, ajudando-a a relaxar. Sinto vontade de dar beijo, mas fico com medo de acorsa-la, então so chego pertinho. Ali, sentindo a respiração quente, as mãos me segurando e me tocando. Estamos ali, eu e ela, no nosso melhor momento.

10 comentários:

  1. esses momentos não tem preço.
    adorei o post!
    bjocas

    ResponderExcluir
  2. São momentos de ternura unicos... são para ser guardados pela vida inteira, não tem preço!!! Por isso que quero ser mãe, pq sei que é assim mesmo que as coisas são, para cada sacrificio há uma grande recompensa!!!

    ResponderExcluir
  3. Nossa que descrição de ternura fantástica... fiquei encantada!! Bjs

    ResponderExcluir
  4. Lindo texto :)
    Momentos assim ficam eternos na nossa mente.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Ai amiga, que lindo, nem preciso falar que me emocionei aqui...pois hoje tive um momento parecido com Bryan, eu ia escrever no blog com ele no colo e ele agarrou minha mão,nossa na hora chorei e fiquei a manhã inteira com ele dormindo no meu colo *_*
    esses momentos não tem preço né? enão voltam nunca mais, e pensar assim que eu quero mais é aproveitar mesmo!!!!

    Obrigada pelas dicas lá no blog, tô pra responder a séculos,mas Bryan as vezes exige tanto,quem é mãe como agente sabe como é...rs
    Mas então,eu acho melhor ele dormir tarde,pois ai ele acorda menos vezes.Tipo, se ele dorme antes das 23:00 ele sempre acorda as 3 da madruga, e depois as 6 e depois as 8.
    E quando ele dorme 23:00 e meia noite, ele vai direto até as 5:00,mama quase dormindo e acorda só as 8:00
    Sem contar que eu sofro de insônia, e só pego no sono lá pelas 2, 3 da madruga, é um saco isso, mas logo volta a tomar meus remédinhos queridos controlados que tanto amo...rsrs Pois sem remédio não consigo dormir de jeito maneira!! mas como estava amamentando não podia tomar!
    E eu estava trocando ele novamente de madrugada e mudei isso, realmente ele dormiu melhor depois!! sem ter que mexer com ele, assim adormece muito mais rápido...enfim...depois o ruim vai ser fazer com que ele vá cedo pra cama né. EU penso muito nisso,mas o problema é que ele ainda não tá no quartinho dele, ai meu marido vê TV até altas horas, e isso acaba deixando ele acesso sabe...ele só dorme antes das 23:00 quando esta muiiito cansado.
    Quanto o suquinho tentei dar na colherinha e ele aceitou melhor..mas ai fui dar de melancia e bagunçei tudo..rs ele não gostou, cuspiu tudo, e regredi. Acho que vou insistir mais com a laranja!!
    Bjinhus e obrigada pelas dicas preciosas!!!

    ResponderExcluir
  6. Momentos deliciosos como este faz a maternidade valer a pena!

    ResponderExcluir
  7. ai mo dex amiga sao momentos que deviam ter replay né? aimmm amo amooooooo

    ResponderExcluir
  8. Q lindaa, deliciaaaa !!
    Curta mesmo esses momentos lindos.
    Bjoos ;)

    ResponderExcluir
  9. Eu ainda vou ter um pra chamar de meu, nem q chega adotivo!

    ResponderExcluir

Ai, que bom que você veio! Puxe uma cadeira,sente-se no chão e sinta-se na casa alheia.^^ Mas me da um toque :P