De mãe e louco todas temos um pouco

Sejam bem vindos ao cantinho aconchegante que reservei para essa conversa. Espero que esses relatos possam de alguma forma ajudar aqueles que tem duvidas, receios, e as vezes até mesmo culpa por não serem perfeitos como gostariamos de ser para nossos filhos, que ja estão aqui, ou estão por vir.
Essa é minha forma de compartilhar essa experiencia fantastica que tem sido me tornar mãe, inclusive pelas dificuldades que passei, passo e com certeza irei continuar passando por ser Bipolar. E o quanto nos tornamos mais fortes a cada dia, a cada queda, como essa pessoinha que chegou me mostra a cada dia que passa.
A todos uma boa sorte, uma boa leitura, e uma vida fantastica como tem sido a minha, desde o começo e cada vez mais agora!

domingo, 13 de junho de 2010

Imitando a mamãe

È... Cada coisa engraçada que a gente ve nesses pequenininhos :)

Hoje eu estava dando o jantar pra Rebeca e ela reclamando, fazendo onda pra comer, coisa que nunca faz. Cuspia, achava ruim. Eu tentando descobrir o que estava errado, não era nada diferente do que ela costuma comer tão facilmente. demoro, mas percebo que o macarrão esta com um ou outro pedaço muito grande, e com isso ela engasga.

Levo ela comigo ate a cozinha, ja que estavamos na sala, para que ela veja o que eu vou fazer. Pego um garfo, amasso melhor o macarrão, mas ai ela ja esta bem impaciente. Ja tinha comido uma boa quantidade comigo insistindo antes de perceber o problema.

Tento voltar a dar a papinha, ela acha ruim, eu insisto, e ela decide me msotrar que esta irritada, me imitando: faz bico, assopra, bufando de chegar a encher as bochechas de ar e ficar vermelha, e solta o ar fazendo barulho. Dei muita risada! É exatamente o que eu faço quando estou ficando nervosa e sem paciencia e com dificuldade de lidar com a situação. Respiro fundo e assopro o ar, bufando, e fecho os olhos naquela de contar ate dez. Não é que ela fez igualzinho?

Ah, a carinho do sorriso da foto do post anterior (vou colocar de novo) é ela me imitando tambem, mas ai é a me espreguiçar! Geralmente essa carinha vem acompanhada dos bracinhos esticados pra cima!
Não é uma fofura??

6 comentários:

  1. Lindaaaaaa e muito fofa !!
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  2. Fofa demais!

    É tão legal a gente perceber que eles nos imitam, né?

    Se bem que às vezes eu me pego pensando se ela vai imitar minha desordem (o que vai deixar o pai dela ainda mais nervoso, rsrs), minha falta de vaidade, minha preguiça, minhas frases de efeito, que aliás, eu herdei da minha mãe...

    É, acho que é um ciclo!

    Beijos!
    Nine

    ResponderExcluir
  3. Amiga é uma fofura...
    Aqui vc esqueceu de participar da promo... corre lá e deixa seu nome, email e cidade.

    Sorteio dia 16/06.......Ah! NÃO ESQUEÇA DE DIVULGAR.

    Beijos do Ian e Duda

    ResponderExcluir
  4. Di, adorei o comentário no blog viu? seus pais parecem ter sido incríveis... este findi estávamos no perrengue do momento cocô e quase não saímos de casa mas meu marido falou: não podemos ser reféns desta história, deixa ele viver normalmente e nós também...eis que me lembrei tanto do seu comentário, e o papel que eu devo ter na vida do meu filhote e tratar tudo com muita naturalidade e normalidade porque são fases e vão passar e temos que ajudá-los a superar né? amei viu? e sobre seu post, sua boneca está mais que fofa, uma coisa, e detalhe é super engraçado ver algo nosso neles né? dá uma mistura de felicidade com orgulho... delícia, ser mãe é tudo mesmo na vida...
    um super beijo, venho te visitar sempre.Fê

    ResponderExcluir
  5. HAHAHAHA "FUUUUUUU" ]KKKKKKKKKKK amiga imaginei a cena ... o deiciaaaaaaaaaaa esses bebes sao de mais cara hahahaha

    ResponderExcluir
  6. É uma fofura sim.
    Viu? Tal mãe, tal filha.
    A Sofia faz drama para comer diariamente e em todas as refeições. Delícia!
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Ai, que bom que você veio! Puxe uma cadeira,sente-se no chão e sinta-se na casa alheia.^^ Mas me da um toque :P